- Grêmio, Notícias

Pelo Twitter, ex-empresário de Bertoglio ataca dirigentes do Grêmio: “Incapazes”

A história de Facundo Bertoglio no Grêmio é dotada de especulações e mistérios. E, neste domingo, logo após o empate frustrante diante do Santos, esta história ganhou um capítulo, no mínimo, polêmico. Através de sua conta no Twitter, o ex-empresário do atleta Pablo Ceijas (@PabloCeijas) fez duras críticas ao presidente Paulo Odone e, principalmente, ao diretor-executivo Paulo Pelaipe.

Pablo Ceijas e Paulo Pelaipe. Foto: Montagem/ Twitter/ Grêmio

Inclusive, ele começa a série de ataques citando o ex-atacante do Grêmio Ezequiel Miralles, adversário no domingo passado. Dizendo que o jogador teve de sair do Grêmio “pela constante má fé e falsidade que recebia todos os dias por parte de Pelaipe”.

Em seguida, fez referência à eleição, que acontece no próximo dia 21, na qual os sócios aptos a votar decidirão quem vence a corrida pela presidencia:

– Pelaipe é a desgraça do Grêmio, tem a possibilidade de tirar todos esses incapazes do Grêmio. #foraOdonoeePelaipe só sabem fracassar. Aproveitem as próximas eleições no Grêmio e tirem esses fracassados e má gente como Pelaipe e companhia. – disparou.

Entre algumas frases com um tom de ameaça e outras ofensas pessoais a Odone e Pelaipe como “cara de boludo”, “incapaz”, “ineficiente” e “fracassado”, ele declarou não ser mais empresário de Bertoglio e que isto não teria nada a ver com o jogador, mas sim uma questão pessoal dele com Pelaipe.

Por fim, fez alusão à maneira de trabalhar de Paulo Pelaipe:

– Pelaipe fez como faz sempre, fazer ficar mal a um empersário. Conseguiu que não trabalhe mais com meu jogador, teria suas razôe$ – colocando o cifrão no final da frase, fazendo referência a supostos interesses econômicos.

Foto: Reprodução/ Twitter

Bertoglio conseguiu prorrogar seu vínculo com o Grêmio, por empréstimo, por mais um ano, após insistir até o último instante com os dirigentes do clube detentor de seus direitos econômicos, o Dínamo de Kiev, da Ucrânia. Retornou ao Grêmio no final de julho, com calorosa recepção da torcida no Aeroporto Salgado Filho, que reconheceu o esforço do garoto em retornar ao Olímpico.

De lá para cá, pouco é dito ao torcedor sobre a situação do jogador. Sabe-se que, logo assim que chegou, voltou a sentir uma antiga lesão e que andou gripado. Só se escuta dizer “a volta de Bertoglio foi adiada”, e o torcedor, que clama pelo jogador nas redes sociais e espaços interativos na mídia, têm ficado na tangente sobre o assunto.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.