Conexão Grenal

Vargas deve ser anunciado até quarta

Foto: Napoli/ Divulgação

A mesa virou na novela Eduardo Vargas. A semana começou com uma notícia vinda da imprensa italiana, dando conta de que o Grêmio havia superado o São Paulo na corrida pelo atacante chileno de 23 anos.

Uma heresia para muitos. Para mim, inclusive. Já que sabemos da competição desigual e ferrenha que os paulistas sempre impõem no mercado e pela fama e histórico de vilão atravessador de negociações.

Agora à noite, surgiu a notícia que deixou o caminho livre para o Grêmio: o presidente são-paulino anunciou a saída da mesa de negociações, reclamando de um suposto leilão que o Napoli abrira pelo empréstimo do atacante.

– Nunca vi um leilão tão despudorado. Eu achei que só nós, brasileiros, fazíamos isso, mas descobri que somos crianças de escola. Mandei parar com isso. Nesses termos não há mais conversas. – Revelou, em tom irritadiço.

Não entendo tal irritação pública do presidente. Atravessam a negociação com suas bagatelas financeiras e a tradicional filosofia de abocanhar de forma oportunista o garimpo de mercado dos outros e ainda vem aos microfones “chutar o balde”, com colocações que fazem o São Paulo parecer um pobre injustiçado na história.

– Ainda assim eu cedi, veja minha posição frágil, mas desde que eles devolvessem o dinheiro. Só que não, o dinheiro desaparecia. Assim não era possível. – Exclamou.

O certo é que, sem o São Paulo, o Grêmio está – segundo Fábio Koff – a um passo de anunciar o atacante. Dependendo apenas da confirmação por escrito vinda dos italianos.

Vargas chegaria para ser o atacante de velocidade que atua pelos flancos, o qual Luxemburgo sente falta desde quando assumiu a equipe, no início do ano passado. Especula-se que, com a chegada de Vargas, Kleber pode deixar o Grêmio. Caso uma proposta chegue aos gabinetes da direção. O jogador já afirmou hoje que quer ficar até o fim do contrato e que só sai se o Grêmio quiser.

Eu, particularmente, não abriria mão do gladiador. O ano tem diversas competições ao mesmo tempo, mais a incerteza das lesões que sempre ocorrem. Kleber é muito importante para o grupo. Vargas chegaria para ser a solução da lentidão do ataque e da dificuldade que o time apresentou o ano inteiro contra defesas fechadas em retranca. Os dois poderiam até jogar juntos, na minha opinião.

@LucasdeBem

 

Sair da versão mobile