Inter perde e é vice campeão da Copa do Brasil

cropped-final-copa-do-brasil-2019-1.jpg

O Inter não conseguiu ser eficaz e acabou sendo derrotado pelo Athletico Paranaense no jogo de volta da final da Copa do Brasil. A derrota por 2 a 1 deu o título inédito para o time paranaense. No final de semana a equipe gaúcha volta as suas atenções para o Brasileirão.

Apoie o Conexão Grenal. Entre para o nosso clube.

O jogo começou muito truncado, com o Athletico amarrando o jogo. O Inter tentava pressionar, mas não conseguia criar situações de perigo. Aos 19′ Patrick completou cruzamento de Nico pela linha de fundo. Cerca de 4′ depois o Athletico encaixou um contra-ataque rápido e acabou abrindo o placar com Léo Cittadini.

O Inter não sentiu o gol. Retomou o controle do jogo e aos 30′, com muita insistência igualou o marcador com gol de Nico López após bate e rebate na área. Guerrero teve chance de ampliar aos 32′, mas mandou para fora. Antes do fim do primeiro tempo, Khellven e Nico tiveram a chance de desempatar o jogo, entretanto o primeiro tempo terminou igual.

No intervalo Odair sacou Patrick, que não fez bom primeiro tempo, mas colocou Sobis, que pouco acrescentou ao jogo. A falta que ele cobrou aos 8 direto ao gol, foi o ponto alto de sua atuação. Tentando corrigir o erro, Odair sacou Bruno para a entrada de Nonato. Entretanto o time gaúcho perdeu força no meio campo e acabou fazendo uma etapa final muito ruim.

Sem força ofensiva, o Inter arriscava no chutão. Tiago Nunes também mudou. Aos 15′ Khellven entrou no lugar do lateral Madson. Um pouco mais tarde Marco Ruben saiu para a entrada de Marcelo Cirino. O jogo pouco evoluía. Ambas as equipes chegaram a criar uma ou outra chance, mas nada de muito perigoso.

Confira todas as notícias da Copa do Brasil 2019

Com 35′ Wellington Silva saiu para a entrada de Guilherme Parede. Três minutos depois o time paranaense sacou Cittadini para a entrada de Lucho González. Mesmo com 5′ de acréscimos o Inter não teve forças para igualar o marcador, pelo contrário. Aos 51′ Cirino humilha Sobis e edenilson no mesmo drible e serve Rony que só empurra para as redes e sai para comemorar o título inédito do Athletico Paranaense.

Ao Inter restou explicações e lembrar que no final de semana retoma a rotina do brasileirão. O clube gaúcho enfrenta a Chapecoense pela primeira rodada do returno.

Thales Barreto

Thales Barreto

Sou Thales Barreto e tenho 33 anos. Me formei em jornalismo pela Famecos/ PUCRS em 2009. Atualmente faço pós graduação em Influência Digital: Conteúdo e Estratégia pela PUCRS.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

voltar ao topo