Foto: Divulgação/ Boca Juniors
- Destaque, Internacional, Notícias

Morte de Maradona gera adiamento do jogo do Internacional contra o Boca

Segundo informou o jornal El Clarín, posteriormente confirmou a Conmebol, a confederação suspendeu o jogo entre o Boca Juniors e o Internacional pelas oitavas de final da Libertadores.

Confira todas as notícias sobre a Libertadores 2020

O adiamento da partida aconteceu devido a morte de Diego Armando Maradona. O ex-jogador tinha 60 anos e faleceu no começo da tarde desta quarta-feira, em sua casa, após uma parada cardiorrespiratória. Maradona havia realizado uma cirurgia no cérebro há cerca de duas semanas.

A notícia sobre a morte de Maradona começou a circular logo após às 13h, quando o jornal argentino El Clarín informou que o ex-jogador havia falecido em sua residência. Na sequencia outros veículos confirmaram a morte do jogador, o que causou uma comoção mundial.

Ídolo do futebol mundial, Maradona conquistou a Copa do Mundo 1986, no México. Disputou outras duas copas, em 1990, na Itália, onde foi vice campeão, e em 1994, no Estados Unidos. Em 2010 treinou a seleção Argentina que estava na Copa do Mundo da África do Sul.


Leia a nota da Conmebol sobre o adiamento da Partida

A Conmebol, através de sua diretoria de competições, tomou a decisão de mudar a data dos jogos de ida e volta das oitavas de final da Libertadores entre Boca Juniors e Internacional devido o falecimento do astro de futebol Diego Armando Maradona e seu estreito vínculo com o clube argentino.

Programação

Ida | Internacional x Boca Juniors (Estádio Beira Rio) 02 de dezembro de 2020 às 21h 30.

Volta | Boca Juniors x Internacional (La Bombonera) 09 de dezembro de 2020 às 21h 30.



Voa alto o barrilete cósmico

Por Conmebol

O astro, o gênio do futebol mundial, Diego Armando Maradona, faleceu nesta quarta-feira deixando a vida terrena e caminhando ao eterno celestial como grande capitão da Alviceleste e um dos maiores jogadores da história do futebol mundial. 

Uma data triste para o esporte. Maradona nos deixou aos 60 anos, depois de ter realizado uma excepcional carreira desportiva. 

Nascido em 30 de outubro de 1960, viveu sua infância em Villa Fiorito um bairro da periferia da capital argentina, onde começou a se destacar por suas maravilhas com a bola. 

Atualmente atuava como diretor técnico do Club Gimnasia Esgrima de La Plata, e como foi jogador é um patrimônio de nosso continente. Diego foi campeão com a seleção da Argentina na Copa do Mundo do México, em 1986, realizando a melhor exibição futebolística de um camisa 10 em Mundial. Foi lá que anotou o Gol do Século. 

No mundo do futebol, Maradona é considerado um Deus, despertando uma devoção e paixão em todos os amantes do esporte, que agora expressam sua dor por tão grande perda. 

“Profundamente chocado com a morte do astro argentino, sul-americano e mundial Diego Armando Maradona. Dono de um talento incomparável e uma personalidade carismática, Diego presentou com alegria e emoções a todos nós que amamos o futebol”, disse o presidente da CONMEBOL, Alejandro Dominguez.

Maradona disputou 676 jogos e marcou 345 gols em 21 anos de carreira, entre clubes e seleções. Levantou a Copa do Mundo em 1986 e disputou a final de 1990. Até hoje, é o maior goleador da seleção da Argentina em mundiais, com 21 gols. 

Obrigado, Diego, por suas alegrias, façanhas, piruetas e destrezas. E, por sobretudo, obrigado por Acreditar Sempre e nos presentear com seu mágico talento. Sempre será o melhor.


Eternamente Obrigado, Eterno Diego

Por Boca Juniors

O Boca Juniors lamenta profundamente a morte de Diego Armando Maradona, determina três dias de luto oficial e agradece a disposição da Conmebol em remarcar a partida diante do Internacional pela Libertadores

O Clube Atlético Boca Juniors lamenta profundamente a morte de Diego Armando Maradona e acompanha a dor de sua família, amigos e de todo o mundo do futebol.

Estendemos um eterno agradecimento às suas façanhas dentro dos campos, que nos fizeram felizes com azul e ouro e com a camisa da seleção argentina. Seu legado estará na nossa memória e será passado de geração em geração para a eternidade.

Em meio à dor, o Boca Juniors decreta três dias de luto e suspende todas as suas atividades nas instalações da instituição. Por sua vez, o clube agradece o respeito da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) e a disposição de realizar o adiamento da partida contra o Internacional marcada para esta noite pelas oitavas de final da Copa Libertadores.


O Internacional se manifestou lamentando a morte de Maradona e também anunciado o adiamento do jogo contra o Boca Jrs pela Libertadores. Mais cedo, através do twitter, assim como o colorado, o Grêmio havia manifestado pesar pela passagem do ídolo argentino.

Renato Portaluppi foi amigo pessoal de Maradona, ambos jogaram no futebol Italiano no final da década de 1980. O treinador do Grêmio gravou um depoimento sobre a morte do amigo.

Escrito por Thales Barreto

Sou Thales Barreto, 35 anos, jornalista e pós graduado em Influência digital: Conteúdo e Estratégia pela PUCRS, especialista em WordPress e em produção de conteúdo para a web.
Leia outras publicações de Thales Barreto

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.