Foto: Lucas Uebel/ Grêmio
- Destaque, Grêmio, Notícias

Renato Portaluppi não é mais técnico do Grêmio

Após quatro anos e sete meses no comando do Grêmio, o técnico Renato Portaluppi foi desligado da equipe. O comandante não resistiu a eliminação do clube na terceira fase da Libertadores com duas derrotas para o Independiente del Valle. O Grêmio confirmou a saída de Renato em nota oficial e nas redes sociais.

Leia todas as notícias sobre o Grêmio

Uma reunião realizada na manhã desta quinta-feira definiu a saída de Renato do comando técnico gremista. Contratado em setembro de 2016, Renato estava na casamata tricolor nas conquistas da Copa do Brasil daquele ano, da Libertadores de 2017, da Recopa Sul-americana, em 2018, e do tricampeonato estadual conquistado entre 2018 e 2020. Renato é o único Brasileiro a ter ganho a Copa Libertadores como atleta e como treinador com a mesma equipe.

Em março de 2019 Renato ganhou estátua na Arena

Esta foi a terceira passagem de Renato como treinador do Grêmio. Ele é o técnico que mais comandou a equipe gaúcha. Seu último jogo na beira do gramado foi o clássico gre-nal válido pelo Gauchão 2021 em que o Grêmio venceu o jogo por 1 a 0, gol de Léo Chú. O treinador não participou dos dois jogos pela Libertadores por ter positivado para Covid-19. Alexandre Mendes, que estava no banco comandando o tricolor nos últimos jogos também deixa a equipe.

Nota oficial do Grêmio sobre a Saída de Renato

O Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense comunica o desligamento de Renato  Portaluppi, em comum acordo com a direção,  do comando técnico do Clube. O Grêmio agradece o profissional pela sua dedicação, sua passagem vitoriosa com conquistas importantes, lealdade à  instituição e por ter sido o técnico mais longevo no comando da casamata gremista. Ao lado do Grêmio, o ídolo Renato Portaluppi alcançou um patamar raro entre técnicos brasileiros. O herói do Mundial de 1983 tornou-se o primeiro brasileiro a ser campeão da Libertadores como jogador e treinador, devolveu o Clube ao caminho das glórias e reconquistou a hegemonia estadual. Também deixam a Comissão Técnica, os auxiliares Alexandre Mendes e Victor Hugo Signorelli.

Depois de quatro anos e sete meses, Renato deixa o Grêmio com os títulos da Copa do Brasil em 2016, Libertadores da América em 2017, Recopa Sul-Americana em 2018 e os títulos do Campeonato Gaúcho em 2018, 19 e 20 e da Recopa Gaúcha em 2019. O Grêmio deseja êxito na continuidade da carreira de Renato Portaluppi e mantém suas portas sempre abertas ao profissional. O treinador da  transição, Tiago Gomes, assume provisoriamente o comando da equipe.


Presidente Romildo faz comunicado sobre a saída de Renato

GrêmioTV homenageia Renato

Escrito por Thales Barreto

Sou Thales Barreto, 34 anos, jornalista e pós graduado em Influência digital: Conteúdo e Estratégia pela PUCRS, especialista em WordPress e em produção de conteúdo para a web.
Leia outras publicações de Thales Barreto

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.