- Destaque, Opinião

Conexão Grenal celebra 10 anos de sua criação e projeta novidades

Fundado em 1º de maio de 2011 o Conexão Grenal cobriu, nos últimos 10 anos, a participação da dupla gre-nal em campeonatos regionais, nacionais, continentais e mundiais do futebol masculino profissional. Acompanhamos, desde 2017, o campeonato regional e nacional feminino, bem como, as principais competições de base da dupla.

Siga o Conexão Grenal no Instagram

Nas páginas do Conexão Grenal entrevistamos promessas e jogadores consagrados. Fizemos reportagens especiais. Acompanhamos a ida do Internacional para uma semifinal de Libertadores, o título da principal competição continental pelo Grêmio e, no ano mais difícil de nossa história, estávamos ao lado da dupla no gre-nal da Libertadores, em 2020.

Em 2014 fomos além, efetuamos a cobertura de nossa primeira Copa do Mundo, ato que se repetiu em 2018 com grande audiência.  Dois anos antes, em 2016, acompanhamos os jogos de futebol das Olímpiadas do Rio de Janeiro e estaremos ligados acompanhando o futebol nos jogos de Toquio.

Acompanhe o Conexão Grenal no YouTube

Somos, desde a nossa fundação, uma fonte de informação e opinião aos torcedores dos dois maiores clubes da região sul do Brasil. Também foi nas nossas páginas que diversos estudantes começaram a sua carreira no jornalismo esportivo e hoje habitam redações de grandes veículos do país.

Nos sentimos honrados por nossa trajetória até aqui. Agradecemos a parceria de todos os nossos colaboradores e leitores pois são por vocês que fazemos o Conexão Grenal.

Novidades para 2021

Depois de um processo demorado o Conexão Grenal agora é marca registrada do seu editor Thales Barreto. Estamos projetando novidades editoriais que devem ser lançadas em breve, bem como a exploração da marca na venda de produtos exclusivos. Aguardem.

Escrito por Thales Barreto

Sou Thales Barreto, 34 anos, jornalista e pós graduado em Influência digital: Conteúdo e Estratégia pela PUCRS, especialista em WordPress e em produção de conteúdo para a web.
Leia outras publicações de Thales Barreto

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.