- Internacional, Notícias

Diego Aguirre é anunciado como novo treinador do Internacional

O Internacional confirmou, no começo da noite deste sábado, a contratação do técnico Diego Aguirre. O uruguaio fará sua segunda passagem como treinador da equipe. O contrato terá validade até o final de 2022.

Leia todas as noticias sobre o Internacional

Além do retorno de Aguirre, que passou pelo clube em 2015 como treinador e foi atleta do colorado nos anos 1980, Paulo Paixão também retorna ao colorado. Desta vez o preparador físico estará na função de coordenador de preparação física. Fernando Piñatares, que também atuou no clube em 2015 e foi bastante criticado, retorna ao colorado.

Confira a nota divulgada pelo Internacional

Foto: Divulgação/ Internacional
Foto: Divulgação/ Internacional

O Sport Club Internacional comunica que finalizou as negociações para anunciar Diego Aguirre como novo técnico da equipe. O treinador assina contrato até dezembro de 2022. Irão compor a comissão técnica o auxiliar Juan Verzeri e o preparador físico Fernando Piñatares.

Natural de Montevidéu, o uruguaio comandará o Inter pela segunda vez na sua carreira. Em 2015, dirigiu o time em 50 partidas, tendo 25 vitórias, 15 empates e 10 derrotas. Sob seu comando, a equipe conquistou do Campeonato Gaúcho e construiu uma campanha sólida na Copa Libertadores, chegando até a semifinal da competição com destaque para as seis vitorias nos seis jogos disputados no Beira-Rio. Além do histórico como treinador no Clube, Aguirre foi atleta do Colorado nos anos de 1988 e

Siga o Conexão Grenal no Instagram

“Felicidade e orgulho de representar essa camisa mais uma vez. Como jogador e treinador ganhamos grandes jogos e ficou o sentimento que essa história deve continuar. Estou de volta para um lugar que fui muito feliz e tenho certeza que vamos viver momentos extraordinários juntos”, destacou Aguirre.

Como técnico, iniciou sua trajetória no Plaza Colonia (URU), em 2002. Na sequência, passou pelo Aucas (EQU), Montevideo Wanderes (URU), Alianza Lima (PER), Seleção Uruguaia Sub-20 e teve trabalho destacado nas duas passagens pelo Peñarol (URU), quando conquistou o Campeonato Uruguaio nos anos de 2003 e 2010, além de ter sido finalista da Libertadores em 2011, diante do Santos.

Entre os anos de 2011 e 2014, comandou duas equipes de tradição no mundo árabe, Al-Rayyan (QAT) e Al-Gharafa (QAT). No período venceu a Copa do Emir (2013), Copa do Príncipe (2012) e duas vezes a Copa Sheik Jassem (2012 e 2013).

No futebol brasileiro dirigiu o Atlético-MG em 2016 e o São Paulo em 2018. Também foi comandante do San Lorenzo (ARG) entre 2016 e 2017 e realizou seu último trabalho no Al-Rayyan (QAT).

Paulo Paixão também retorna

Multicampeão pelo Inter, Paulo Paixão está de volta ao Beira-Rio, agora como coordenador de preparação física. Profissional de ampla experiência e com trajetória marcante na Seleção Brasileira, tendo participado dos títulos de 1994 e 2002, Paixão fará sua terceira passagem pelo Clube do Povo, onde já esteve à frente da preparação do time nas temporadas de 2005 e 2006, com os técnicos Muricy Ramalho e Abel Braga, e em 2013, com Dunga.


Confira a coletiva de Alessandro Barcellos

Escrito por Thales Barreto

Sou Thales Barreto, 35 anos, jornalista e pós graduado em Influência digital: Conteúdo e Estratégia pela PUCRS, especialista em WordPress e em produção de conteúdo para a web.
Leia outras publicações de Thales Barreto

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.